Helena gravou para o programa Interativo, da Record em Itaituba.

Veja os resultados da campanha solidária para uma mãe que pedia ajuda em Itaituba

Helena ganhou centenas de produtos alimentícios, churrasqueiras e dinheiro para iniciar o seu próprio negócio de vendas.

Helena gravou para o programa Interativo, da Record em Itaituba.

Na última terça-feira (9) a cidade de Itaituba conheceu a História de Maria Helena, de 30 anos, que estava passando muitas necessidades após separar do marido e ter ficado com três filhos, entre eles, uma bebê de um ano e nove meses, que lhe impedia de trabalhar.

Toda a campanha de solidariedade começou com o Jornalista Eduardo Brito que postou uma foto, juntamente com texto, nos grupos de whatsapp. Ao ter conhecimento do caso, o Giro também se envolveu e compartilhou na página do facebook gerando grande comoção entre os internautas. Foram centenas de compartilhamentos.

O que mais chamava a atenção na história era o desespero da mãe, que no dia só tinha arroz branco para comer com seus filhos. Como uma mulher trabalhadeira, em seu apelo à sociedade ela disse que tinha o sonho de poder montar seu próprio negócio, uma venda de churrasquinho na frente de sua casa, assim ela conseguiria se manter.

Com poucas horas de divulgação dezenas de pessoas começaram a fazer suas doações. Helena disse ao Giro que recebeu muita gente em sua casa, a todo momento alguém chegava para ajudar, seja com cesta básica ou mesmo dinheiro. Ela ganhou muitos produtos alimentícios que facilmente vão durar muitos meses. Além disso também recebeu duas churrasqueiras e uma boa quantidade de carnes da Casa de Carnes Boi de Ouro, para iniciar sua vendas de churrasquinho e realizar seu sonho.

Centenas de produtos doados.

Na última quarta-feira (10) Helena, juntamente com Richardson Vieira, do Giro, esteve no programa Interativo, de Eduardo Brito, onde pôde falar sobre toda essa ação solidária. Ela agradeceu a cada uma das pessoas que ajudaram, até mesmo aqueles que simplesmente compartilharam o seu pedido nas redes sociais, destacando que todos foram muito importantes.

Um vídeo publicado no whatsapp mostrou um pouco de seu discurso de agradecimento, o que emocionou muita gente. Veja:

Curiosidade

Quem não se lembra do desmoronamento que aconteceu há sete anos em Miritituba. Pois é, Helena é mãe do pequeno Gustavo Felix da Silva, que hoje tem 8 anos, e no dia 11 de maio de 2011 sobreviveu após ficar cinco horas soterrado sob os escombros, na época tinha apenas um ano de idade. Veja no vídeo abaixo:

Esclarecimento

Em toda a divulgação feita sobre o caso de Helena, foi informado que ela havia sido abandonada pelo marido, porém, tudo não passou de um mal entendido. Ela afirmou posteriormente que não houve abandono, que o casal apenas se separou normalmente, e que tudo não passou de uma má interpretação por parte dos primeiros textos divulgados no whatsapp, que posteriormente serviram como fonte para a postagem do Giro, que não havia conseguido contato diretamente com ela.

Fonte: Portal Giro

Comentários

A seção de comentários deste site permite que as pessoas comentem o conteúdo usando as respectivas contas do Facebook. Para comentar, você precisa estar com uma seção ativa na rede social.