Lucas Sousa Soares, 24 anos.

Jovem assassinado em garimpo de Itaituba pode ter sido vítima de crime por encomenda

Uma jovem de 22 anos vem sendo apontada como a possivel mandante do crime; Houve manifestação por justiça na comunidade Jardim do Ouro.

Lucas Sousa Soares, 24 anos.

Lucas Sousa Soares de 24 anos, foi assassinado com pelo menos 5 facadas no último sábado (1), na comunidade Jardim do Ouro, região garimpeira de Itaituba. Ele foi socorrido mas morreu a caminho do hospital do município de Moraes Almeida.

Os acusados de executarem o jovem, Kevin Pedroso Holanda e seu primo menor de idade das inicias R.M.D, 17 anos, se entregaram no mesmo dia do crime e foram encaminhados para a 19° Seccional de Polícia Civil de Itaituba, onde lá relataram toda a situação. Kevin afirmou que teria somente agredido Lucas, e quem teria desferido 5 facadas nele, teria sido seu primo.

Menor infrator e Kevin Pedroso Holanda, acusados.

Agora, amigos e familiares apontam uma terceira pessoa envolvida no crime e afirma que Lucas foi vítima de execução por encomenda. Nesta segunda-feira (3), testemunhas foram prestar depoimentos em Itaituba, onde os dois acusados estão presos, e também entregar às autoridades, cópias das mensagens sobre a morte de Lucas, pela qual originou a nova suspeita de uma terceira pessoa envolvida no crime.

Conforme informações apuradas, a jovem Ray Karvalho de 22 anos, natural de Lucas do Rio Verde-MT, que é prima de Kevin, um dos acusados, é a principal suspeita de ser a mandante do crime. A principal motivação da encomenda, foi por ela ter sido agredida por Lucas com um tapa na cara, após entrar em uma briga entre Lucas e sua ex-companheira. Em conversa pelo Whatsapp, Ray comemorou a morte de Lucas, que logo foi printada e compartilhada em redes sociais.

Conversa de Whatsapp.

Em contato com o Giro, uma jovem contou alguns detalhes do ocorrido, através de prints de conversas de Whatsapp que teve com Ray após a morte de Lucas “Eles querem colocar culpa só no menor de idade, primo de Kevin, mas quem matou Lucas a mando de Ray, foram dois. Após o esfaqueamento, ela chutou várias vezes Lucas e saiu sorrindo” afirma.

Manifestação pedindo justiça quanto ao caso

Carreata na comunidade Jardim do Ouro.

Familiares e amigos de Lucas, fizeram uma carreta no centro da comunidade na manhã de domingo (2), enquanto se direcionavam até o cemitério onde Lucas foi sepultado, para pedir justiça no caso, além de paz na comunidade.

Fonte: Portal Giro com informações (Folha do Progresso)

Comentários

A seção de comentários deste site permite que as pessoas comentem o conteúdo usando as respectivas contas do Facebook. Para comentar, você precisa estar com uma seção ativa na rede social.