Itaituba, 25 de Fevereiro de 2018

Itaituba está próxima de viver um caos na telecomunicação! Saiba por quê.

Postado em: 30 de Maio de 2017, às 10:36hs

Todos sabem que na região onde vivemos (norte do Brasil), a tecnologia chega por último, e quando chega existe uma dificuldade em manutenção e até mesmo ampliação, pois ela evolui muito rapidamente e quando se vê já é hora de se atualizar e se adequar às novas tendência. Temos como base a internet via Fibra Óptica que há muitos anos vem sendo usada no Brasil mas só chegou à Itaituba há cerca de 02 anos ou menos.

Esse é um problema bastante comum em quase todos os setores, e não seria diferente nas telecomunicações, onde as empresas e toda a população depende de uma concessionária de energia chamada ELETRONORTE, que faz o transporte da internet e também da energia elétrica da região amazônica.

Segundo proprietários de provedores de internet de Itaituba, há cerca de 04 meses a ELETRONORTE não disponibiliza upgrade (aumento) do link de internet para os mesmos. Tendo em vista a grande exigência da população em ter uma internet cada dia melhor e mais rápida, isso vai na contra-mão da evolução, já que o tamanho dos links de um provedor está diretamente ligada à sua capacidade de oferecer um serviço de qualidade.

Veja o que disse Josué Castro, diretor da Slimnet (antiga Itbnet), ao blog do jornalista José Parente, “O problema, primeiro, para entender, está em toda a faixa da Transamazônica, começando de Marabá até nós, tudo por conta da Eletronorte. O que acontece? A Eletronorte, há três ou quase quatro meses atrás, travou qualquer aumento de link para nossa região, alegando que o link que ela havia vendido já não tem mais como ser expandido e que ela estava impossibilitada de vender mais, pois há necessidade de fazer troca de equipamentos.

A princípio, parecia ser um problema passageiro porque a Eletronorte falou que seria necessário cerca de um mês para resolver, mas a gente está vendo que se trata de algo muito maior, pois já vai para quase quatro meses passados e toda vez que a gente se reporta à Eletronorte, as notícias não são agradáveis.”

Ainda segundo o que informou José Castro, já se sente uma lentidão na internet em horários de pico, e isso não afeta somente os provedores, e sim todos os setores da telecomunicação incluindo a telefonia (com cortes de voz durante a ligação, e até mesmo a ligação cair repentinamente). Os bancos também já sentem a lentidão no sistema o que leva à uma demora ainda maior no atendimento ao cliente.

O portal Giro entrou em contato com Edson Menezes, proprietário de outro grande provedor de internet da região, a Zum Telecom, que reforçou as afirmações citadas acima e disse ainda que todos estão juntos nessa causa, estão viajando para São Paulo onde farão uma visita na ABRINT (Associação Brasileira de Provedores de Internet e Telecomunicações) para discutir o assunto e buscar alguma solução para o problemas, evitando assim que a população em geral sofra as consequências.

Reagir
Curtir Amei Haha Uau Triste Grr

Compartilhe

Comentários

A seção de comentários deste site permite que as pessoas comentem o conteúdo usando as respectivas contas do Facebook. Para comentar, você precisa estar com uma seção ativa na rede social.