CRISE DO CIMENTO EM ITAITUBA E REGIÃO!!

Postado em: 10 de janeiro de 2018, às 13:19hs

Itaituba vive atualmente uma verdadeira crise da matéria mais importante de uma construção, o cimento. A Itacimpasa, empresa que fabrica o cimento Nassau que é vendido em toda região, principalmente em Itaituba e Santarém, anunciou nos últimos dias um fato preocupante, férias coletivas para praticamente todos os funcionários da indústria. Isso significa que, pelos menos nos próximos 30 dias, a empresa não fornecerá cimento para as empresas da região, o que resulta na falta do material, afetando todo o setor da construção civil.

O portal Giro entrou em contato com as principais casas de matérias de construção e apurou que o cimento já está em falta há alguns dias. Em uma das poucas empresas que ainda restam, o cimento estaria sendo vendido há R$ 35,00 cenário completamente diferente de meses atrás onde custava R$ 20,00.

Em conversa com empresário do segmento de construção Jonilson Wayne, proprietário da ConstruFerro em Itaituba, a crise é maior do que se pode imaginar, sem a matéria principal da construção as vendas do segmento são muitos afetadas. Para ele, a única solução é tentar comprar de outras fábricas, mas não está sendo fácil devido ao alto valor que o cimento pode ser passado ao consumidor que pode ser de no mínimo R$ 35,00 ou até mesmo passar dos R$ 40,00.

As empresas do grupo João Santos vem passando por crises há muitos anos e, de acordo com informações, desde o ano 2015 a Itacimpasa de Itaituba iniciava os primeiros sinais de abalo financeiro, com atrasos no pagamento de funcionários. A empresa hoje é uma das maiores empregadoras do município, uma possível falência deixará centenas de pessoas desempregadas e possivelmente prejudicará as finanças da cidade.

O Giro tentou de todas as maneiras contato com a gerência da empresa ou alguém que pudesse repassar informações exatas sobre o caso, mas ninguém foi localizado.

– Portal Giro

Reagir
Curtir Amei Haha Uau Triste Grr

Compartilhe

Comentários

A seção de comentários deste site permite que as pessoas comentem o conteúdo usando as respectivas contas do Facebook. Para comentar, você precisa estar com uma seção ativa na rede social.