Corpo de bombeiros apagou as chamas após o acidente.

Avião cai em cima de carros em avenida de Belo Horizonte e deixa mortos

O avião caiu na manhã desta segunda-feira (21) e deixou ao menos 3 mortos e 3 feridos.

Corpo de bombeiros apagou as chamas após o acidente.

Na manhã desta segunda-feira (21), uma aeronave de pequeno porte caiu em Belo Horizonte, capital de Minas Gerais. Segundo informações fornecidas pelo Corpo de Bombeiros, o acidente aconteceu entre as ruas Minerva e Belmiro Braga, no bairro Caiçara, a 1,3 km da cabeceira do Aeroporto Carlos Prates, de onde a aeronave tinha acabado de decolar com destino a Ilhéus. Pelo menos três pessoas morreram e outras três ficaram feridas.

A aeronave, prefixo PR-ETJ, caiu sobre carros que passavam pelo local. Os automóveis foram incendiados. Até o momento, não há informações sobre vítimas. Muita fumaça preta tomou conta da região. O local é o mesmo onde, em 13 de abril, caiu um avião e deixou um morto.

Quatro viaturas do Corpo de Bombeiros foram até o local para conter as chamas.

O Coronel Erlon Dias do Nascimento Botelho, subcomandante dos Bombeiros de MG, confirmou em entrevista coletiva que um dos mortos é pedestre e que o piloto foi resgatado com vida – ele foi encaminhado ao Hospital João 23. Não se sabe ainda se as outras vítimas estavam dentro da aeronave ou na rua.

A aeronave 

O avião de 1.360 quilos com capacidade para transportar três passageiros pertencia à Helicon Táxi Aéreo LTDA, mas seu operador é o Srrael Campras dos Santos. “É o responsável pela manutenção do avião. Ele pode ser o piloto, mas não necessariamente”, informa a assessoria de imprensa da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil).

O avião, com autorização para aterrisagens noturnas, foi fabricado em 2007 pela Cirrus Design. Seu modelo era o SR20, equipado com apenas um motor. Ele foi comprado pela Helicon em julho desde ano e, de acordo com a Anac estava com certificados dentro da validade.

A IAM (Inspeção Anual de Manutenção) e o CA (Certificado de Aeronavegabilidade) venceriam em agosto do ano que vem e em maio de 2022, respectivamente.

Veja vídeos no momento da queda

Fonte: Diário Online/ Uol

Comentários

A seção de comentários deste site permite que as pessoas comentem o conteúdo usando as respectivas contas do Facebook. Para comentar, você precisa estar com uma seção ativa na rede social.